Animes Estranhos que é Difícil acreditar que existe

Uma diversidade imensa de animes, vem surgindo ao decorrer dos anos. E hoje já é possível você encontrar de tudo no universo desses desenhos. No entanto existe coisas que é até difícil de acreditar, que alguém investiu dinheiro e tempo para criar um anime desses. É por isso que vamos falar hoje dos Animes mais estranhos, e que é difícil acreditar que realmente existe!

Animes Estranhos – Seikon no Qwaser 

Tem alguns animes citados aqui, que provavelmente você pode estranhar muito em relação ao que acontece na série. e o anime Seikon no Qwaser é um desses. Nesse anime criam uma relação entre batalhas mortais e chupadas de tetas. É isso mesmo que você leu. Os personagens travam duras batalhas no anime, e pra recuperar suas energias eles tem que mamar. E isso é levado muito a sério na série, trazendo até algumas cenas com drama neste ato. E ainda lida com questões religiosas o que faz a série se tornar ainda mais estranha.

Bobobo-bo-Bo-bobo (2003-2005)

Animes mais Estranhos

Só o nome já da pra imaginar o tamanho da estranheza. Pode se dizer que está série usa a bizarrice como fonte do tema. O anime traz um pouco de comedia, onde o Bobobo tenta defender o mundo de uma maligno império do mal. Mas o que esse império deseja é rapar a cabeça de todos os habitantes da terra e por isso, nosso amigo Bobobo entra em ação, para salvar o mundo. O legal do anime é que ele traz parodias bem legais de animes famosos, como Dragon Ball e Naruto. Confira outra lista com os piores animes do mundo.

Midori no Hibi (2004)

Animes Estranhos

Este anime passa do limite em todos os aspecto. No anime o personagem principal tem a mão transformada em uma menina chamada Midori, e que se apaixona por ele. Afinal além do anime ser bem estranho na animação existe partes em que ele usa a mão que está a menina pra outras coisas bizarras. Muito estranho, não acham. Assista mais neste vídeo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *